Frase

“Opportunity is not only being in the right place in the right time but to have the courage to go to the right place when the right time comes”.


BLOG FEITO À MINHA FAMÍLIA, AOS MEUS AMIGOS, E A QUEM TIVER INTERESSE EM VIAJAR COMIGO, NESTA NOVA AVENTURA, TRABALHAR EM UM NAVIO.....

terça-feira, 7 de dezembro de 2010

SPA SATURNIA – Deck 11

Nosso Time



Minha sala é a maior do Spa, não porque eu seja especial e ganhei uma sala grande. Na verdade acho q me deram esta sala porque ninguém queria mesmo. Rsrsrsr. Ela é a mais barulhenta de todas , porque a brinquedoteca é bem em cima e tenho certeza que as crianças treinam o salto triplo carpado bem no horário que eu estou atendendo. A tomada da sala fica longe do carrinho e tem um espelho gigante a mais pra limpar, mas eu gosto muito da minha sala. Aliás estou nela agora. No meu tempo de folga, que é praticamente o tempo todo, fico escrevendo no meu caderno, e qdo chego na cabine passo pro meu computador. A minha maca é a única elétrica e fica mais alta do que as outras, (minha coluna agradece), e além disso aqui é o centro de encontro das brasileiras. É aqui que arrumamos o cabelo, retocamos a maquiagem e cochichamos.
Tem também a sala chamada “Couples Room”. Tem uma vista linda para o mar e a massagem é feita em dupla, geralmente casais. Ela é maior do que a minha, mas é estreita demais para caber duas macas. Não consigo me movimentar e a Poli brinca comigo que eu faço a “dança do siri” pra passar de um lado pra outro da cama. KKK. A última massagem que fizemos juntas lá foi uma comédia. A sorte é que os clientes ficam com os travesseirinhos de lavanda nos olhos e não conseguem ver a gente rindo... rsrsrrss.






Couples Room


Percebi que eu gosto de fazer massagens. Sinto como se estivesse fazendo em mim, e viajo nos movimentos. No SPA tocamos umas músicas que passam em todas as salas, meio flauta com fundo de passarinhos e sons de água caindo. Entro no ritmo e a coisa flui. O mais legal é quando um cliente elogia no meio da massagem, aí fico empolgada e capricho mais ainda... KKK – ta parecendo que to falando de sexo! KKKKK! Mãe! Pula essa parte!!!!! KKKKKK

Ontem estava no desk com o Anderson e um espanhol chegou dizendo que já tinha marcado 2 massagens balinese. Uma ele já tinha feito o dia anterior e a outra seria hoje ás 18hs. Como ele falava espanhol, levantei pra conversar com ele porque finalmente conseguiria me comunicar com alguém. Aí ele perguntou se poderia trocar a técnica da massagem e a terapeuta, pq ele não tinha gostado. Não sabia se poderia fazer isso, mas troquei, e agendei pra mim. Qdo ele veio eu caprichei bastante, afinal não queria que ele me achasse pior do que a outra. O cara adorou, disse que minhas mão são muito boas (ó-lá, parece que estou falando “daquilo” de novo, rsrsrs), e disse também que “isso sim é que era massagem”. Fiquei tão feliz!
Qdo eu tava quase acabando a massagem, feliz da vida porque seria a primeira vez que eu iria tentar vender algum produto, já que o cara me amou, e eu meu portunhol é muito bom, ele começou a me paquerar. Perguntou: “ vc tampou meus olhos para eu não ficar te olhando?” Puts! Respondi que fazia parte do tratamento, que sempre fazemos isso para os clientes relaxarem, aí depois ele perguntou se eu era casada e aonde estava meu marido
Respondi que ele trabalhava no navio também. Ah! Fiquei puta! Terminei a massagem 10 minutos antes, parei de fazer sorriso Steiner, desisti de tentar vender alguma coisa, não toquei o sino e falei pra ele que esperaria lá fora pra ele pagar. Ah, fala sério!!! Isso só comprava a minha teoria.. aquela que a Milla acha o máximo: brasileira+massagista+tripulante= PUTA (portanto, não esqueçam disso futuras Steiner! Deixem claro, sempre, que somos profissionais........................ da massagem!!!) rsrsrsrs.
E nem gorjeta o “raio do hómi” me deu!!!

Um outro cliente estava tentando achar a porta da hidromassagem, que é escondida dentro do vestiário, e não tem placa. Ele se zangou porque não achava, e a gente não pode entrar no vestiário masculino pra mostrar... Ficou muito bravo com a gente que estava desk, e disse que ia embora e saiu adando! Eu, com meu jeitinho fofa de ser, fui conversar com ele, (em inglês). Insisti pra ele vir comigo disse que a mulher dele estava esperando ele lá, (e estava mesmo) que eu o levaria pelas caminho das salas das massagens, já que eu não poderia entrar no vestiário. Consegui convencê-lo, e ele foi meio à contra gosto. Hoje ele apareceu no SPA só pra perguntar meu nome e disse que ia votar em mim no “bravissimo”. (que é um questionário que os passageiros preenchem e votam em alguém que fez “ a diferença” no cruzeiro. Fiquei tão feliz!).


Meu amigo Andy lindo que fez

A língua

Festinha dos tripulantes



A maior dificuldade com certeza é a língua. Meu inglês tem melhorando porque converso bastante com a Ivana, minha cabinmate, e com o Darko, fitness do Spa e vizinho de quarto, que não sai da minha cabine. Mas no SPA tem sido uma catástrofe. A maioria dos hóspedes são alemães, Italianos, franceses e japoneses, e pra piorar eles não falam inglês. É uma loucura. Como neste Spa não tem recepcionista, revezamos quem ficará no desk, aí é um sufoco! Hoje fiquei com a Poliana de manhã. Foi só risada. Cada vez que chegava um alemão ou francês e fazia alguma pergunta, a gente balançava a cabeça fingindo entender, falava “ui, ui” e eles iam embora felizes. Sei lá o que perguntavam!
Os japoneses são uns fofos. Vibram com tudo que vêem , agradecem o tempo todo, estão sempre sorrindo, felizes e em bando. Fiz um dia o “Bye Bye line”. Rsrsrs... pois é, tem nome isso. Ficamos em fila, na saída do navio. Cada pessoa de um setor fica dando tchauzinho para os passageiros, e alguns passageiros respondem, e dão tcahuzinho também... mas os japoneses... ahhh, nada é igual a eles! Tiram fotos com a gente, agradecem milhões de vezes, pegam na nossa mão!!! São realmente uns fofos!!!
Os italianos são meio grosseirões mesmo, como dizem. Se não falamos italiano eles ficam de cara feia, bravos, e saem andando. Parece que eles não admitem estarem em um navio italiano e ter pessoas trabalhando que não falam a língua deles. Estou tentando aprender... mas ta difícil. No meu 1° dia estava na recepção , puta da vida porque me deixaram sozinha lá. As “filipas” (filipinas) sempre fazem isso, somem e a gente que se lasca. Aí apareceu um italiano, daqueles com cara de mafioso e perguntou “La palestra?”, eu desinformada, não sabia que horas seria a palestra que a Milla ía apresentar, na verdade nem sabia que teria. Saí correndo pra academia pra perguntar pra ela, não achei a Camila e voltei pra recepção: “No ai palestra oje”, disse. Ele arregalou os olhos! A Dani apareceu, com suas asinhas de anjo; o chefe da máfia perguntou pra ela a mesma coisa, ela apontou pra porta e disse” per qua”. O cara olhou feio pra mim e saiu falando alto e reclamando. Deve ter me xingado horrores. Palestra significa academia em italiano. Puts! Que papelão!!!
É um saco isso! Essa coisa de não conseguir falar. Não conseguir se expressar. Eu me sinto impotente, burra, completamente incompetente! A comunicação é tudo! Todos os clientes que tive foram atendidos na mímica. Gostaria de poder conversar com eles, perguntar se sentem dor, aonde sentem, em quanto tempo. Se estão curtindo o navio, se a música da sala está muito alta. Avisar que o óleo da massagem está quente, perguntar se estão com frio... qualquer coisa. Meu Deus, como é difícil ser muda!

1° impressão

Minha cama!!! Renata e Simone




Hoje faz uma semana que estou aqui. Na verdade não sei se é sábado ou domingo. Aqui no navio, nós perdemos a noção de tempo, e dos dias da semana... os dias são contados pelas “paradas”: Dubrovnick, Santorini, Katakalon, Rhodes... e assim vai... As pessoas falam: “No dia de Mykonos, vamos todos pro Crew Bar”, como se fosse: Na quinta feira vamos pro Crew Bar.. é engraçado... estranho no começo... mas já estou fazendo isso... e olha que só estou em Veneza...
No dia 08, eu e a Milla acordamos bem cedinho, passeamos um pouquinho na “Cidade Velha” de Dubrovnick - Croácia - (tava tudo fechado) e depois fomos para o navio... O frio na barriga só terminou de noitinha.... quando botei a cabeça no travesseiro, e dormi com o balanço do mar, e que balanço... três comprimidos de “sissi” pra evitar o enjôo. E funcionou... não enjoei nenhum dia até hoje! Que beleza! Falando em “Que Beleza”, todas as vezes que tem embarque, ou Drill, os avisos são feitos pelos auto-falantes, em pelo menos 5 línguas, e no final de cada delas, o cara fala: “Que beleza!!!”, em português mesmo!! A primeira vez que ouvi pensei que estava ficando louca, mas eles falam mesmo!!! Rsrsrsr. É muito divertido!

Fomos até a porta do navio, naquelas pontesinhas que ficam lá para os passageiros descerem, e falamos para os seguranças, que somos tripulantes, que estávamos embarcando aquele dia. Ele chamou uma garota, Daniela, que nos levou ao seu escritório de mala e cuia, pediu os nossos documentos, passaporte, contratos da Steiner, essas coisas. Depois o Costel, nosso manager apareceu. A primeira impressão não foi muito boa, porque o cara é da Romenia, e dizem que os romenos são os gerentes mais terríveis da Steiner. Ele levou a gente pra conhecer as nossas cabines, e mudou as nossas chaves, pq até então a Daniela já tinha entregado a mesma cabine pra gente... Nossa felicidade durou 5 minutos... rsrsrs. Conheci minha roonmate, Ivana, ela é da Servia, e parece ser meia maluquinha. O quarto, kit, flat, cabine, ovo, estava uma zona só... bebida por todo lado!!! Ela pediu desculpas pq fez uma festinha no dia anterior e não teve tempo de arrumar! Oh my God!!! KKKKKKKKKK . Me arranjei num cantinho, e subi pro SPA junto com a Milla e o Costel... que até então eu ainda não tinha o apelidado de Pastel.... KKKKKKK.
Lá encontramos a Poli.... como foi bom ver que ela estava feliz... deu um alívio! Conhecemos todas as meninas, 2 italianas, 4 filipinas, 1 romena, 1 brasileira - a Dani (a mais fofa de todas) e o Anderson, cabelereiro meio brasileiro meio italiano, e completamente gay! Rsrsrs! Figuraça de tudo! Falando em gay: 98% dos homens deste navio são gay, 80% deles, dão na cara, 10% são “come quieto” e os outros 8% tentam esconder, mas qdo a bebida aparece!!! Todos viram purpurina! Rsrsrs. É muito divertido estar com eles, o ruim é que não vou arranjar nenhum namoradinho desse jeito! Toda vez que a gente conhece alguém, ou tem embarque de tripulantes novos, falamos: oi tudo bem? Vc é gay? É verdade! Todas as meninas fazem isso!!! Rsrsrrss.

Depois do tour pelo SPA, descemos pra colocar o uniforme, fazer aquele crachá (name tag) com o nosso nome e a bandeirinha do país, o meu ficou lindo: Fernanda Casagrande, do jeito que eu queria, sem o Oliveira, Massage Therapist, Brazil.... adorei! Passamos no médico pra entregar os exames, fomos no crew bar tomar um café, fizemos um mini Drill, com o Giovanni, Oficial Italiano responsável por tudo ligado à segurança do navio. E à noitinha, depois de eu ter socado minhas roupas no ultra-mini-light armário, fomos no crew bar de novo, tomar uma, duas, três cervejinhas. Temos um desconto bem grande em tudo.

No dia seguinte atendi uma pessoa... fiquei desesperada, como se nunca tivesse feito uma massagem na vida, mas tudo correu bem. Não fiz todos os passos que a Steiner ensina, pq realmente não dá tempo... e o tempo é precioso, porque é um cliente atrás do outro,mas eu ainda não cheguei a isso, tive no máximo 3 clientes por dia, em 12 horas de trabalho... Não vejo a hora que chegue o Brasil pra poder falar português com os passageiros, e conseguir vender algum produto.

A primeira semana tem Drill todos os dias. São aulas de segurança no navio, que dura aproximadamente 1 hora. É bem legal, conhecemos aonde temos que ir em caso de emergência e abandono do navio. No dia do 1° embarque de passageiros que passei, em Veneza, fomos todos com aquele colete amarelo, de tripulante, mostrar aos passageiros como fazer para amarrar o colete certinho. Me achei!!! Lembrei das vezes que fui passageira e imitava o carinha explicando tudo... hoje, eu sou “carinha”... e as pessoas imitam mesmo! É muito engraçado! Se eu meter o dedo no nariz, é capaz que eles coloquem também!!!! KKKKKK



Eu Mila e Poli

quarta-feira, 3 de novembro de 2010

Costa Fortuna: 07/11/10

Dubrovnick

Nao sei porque não escrevi mais....
Faz tanto tempo... e tanta coisa aconteceu... Vou resumir as novidades bem rapidinho, pq agora o tempo é curto... muito curto... vcs já vão saber por que.... Tenho muitas coisas pra escrever... Muitas mesmo. Todas as vezes que acontece alguma coisa, ou qdo vejo algo que me chama atenção penso: Isso tenho que colocar no blog. Mas acabo esquecendo.... e as coisas vão acumulando e aí bate preguiça de escrever. Pronto, descobri pq nao escrevi mais... preguiça!!!! rsrsrsr
Meu visto chegou em 2 dias... em 3 dias estava na Steiner.... Isso foi na segunda feira, dia 25/10. Mostrei a papelada de novo pra Beatriz, e ela veio com a ótima notícia... agora acho ótima, mas na hora detestei, de que eu vou embarcar no Costa Fortuna... dia 07/11. Perguntei se eu poderia voltar pra Steiner... ficar em casa de família de novo até o embrque... ela respondeu que não. E ponto. Voltei pra casa da Cris puta da vida! Puta pq tive que fazer esse maldito visto, e não vou usar... puta pq vou pro Brasil e não vou aprender inglês, puta porque deveria estar sendo "sustentada" pela Steiner, e não pela Cris e pelo marido dela.... Mas... coisas de Steiner, vai entender...
No final da semana, quinta-feira, voltei pra Steiner pra pegar os Details.... pastinha explicando tudo sobre o embarque... uniformes... essas coisas. Comecei a perceber que seria melhor mesmo ir pro Brasil... me sentirei mais segura falando portugues, vou visitar minha mae todas as semanas, jah que o navio passa em Santos, vou pra Buenos Aires e Punta Del Este, dois lugares que me apaixonei e pensei que nunca mais voltaria... e o mais legal de tudo, é que a Poliana está lá. Embarcou há 3 semanas... a Milla (fitness) que eu falo desde o começo da maratona Steiner me ligou e disse que também vai pra lá... a Renata Carvalho também.... Então, vamos nos divertir demaaaaaaaaaaaaaaissss!!!
Hoje é dia 06/11, rsrsrsrrss, estou na Croacia... pois é, em Dubrovnick. Lugar lindo, rota dos navios de cruzeiro que fazem MediterrÂneo, e amanhã é o Grande dia!!!! Tô num hotel Chiquerrérrimo (e sou eu que vou pagar... não vai pensando que eh a Steiner não), e com uma gripe das mais forte que eu já tive. Meu olho não pára de lacrimejar, meu nariz escorrer, e uma tosse de cachorro!!! Que beleza!!! Eh só comigo mesmo!!!! KKKKKKKKKK
Ah! Tô esperando a Milla! Vamos dividir o quarto do hotel e amanhã vamos juntas pro porto... 10hs!!!
Portanto... adoraria ficar horas e horas escrevendo.... mas meu olho tá fechndo... agora até que me deu uma empolgadinha... mas dependendo de como for no navio... vou escrevendo direto do world, e depois copio e colo o blog. Não sei se vai dar certo, mas juro que vou tentar.
Tô preocupada... já esqueci todas as massagens... e não estudei nada!!!!
Vixi!
Eh amanha!!!!!!!!!!!!!!!!!! Torçam por mimmmmmmmmmmmmmm!!!!
Bjussssssssssssssssssssssssss




Vista da varandinha do hotel

quarta-feira, 20 de outubro de 2010

VISA......

Gente! Consegui.... Fui lah no consulado... fiz minha entrevista... expliquei tudo... e me falaram que o visto que me deram nem existe... que o erro foi do consulado americano do Brasil mesmo, e que eu tinha preenchido os "2" formularios certinho!!!! Em 5 dias meu passaporte chega na casa da Cris com meu novo visto!!!! Soh acredito vendo!!!. Perguntei como faco pra receber meu dinheiro de volta... disseram que isso não era com eles!!!! Eh sempre assim!!!! Eh com quem entao?!?!?! Com o Obama!?!?!?!

Depois de tudo isso fui caminhar... Fui andando ate a Victoria Street, me perdi e acabei achando o Palacio, vi a troca da guarda, sozinha... , Big Ben, London Eye... sentei no jardim na frente do Tamisa... num frio de rachar a pele, mas embaixo de um solzão que fazia a paisagem ficar ainda mais bonita.... Mas nao me sentia feliz... nao pensei, como todas as vezes que me batia uma tristeza "caraca eu too em Londres" Nada disso....


Pensei tanto na minha vida... Pensei em como vim parar aqui... Pensei em tudo que tive que passar, pra chegar aqui. Pensei em como foi duro perder o Raul e o meu emprego no mesmo mês.. mudar de cidade... voltar a morar com a minha mãe... ficar longe da minha cachorrinha, dos meus amigos. Pensei em como foi dificil tomar a decisão de vir pra ca... o medo e a duvida que sempre me perseguiu... Pensei em tudo que aconteceu desde que cheguei... Na choradeira que passei na imigração... na droga da sensação que eu tive qdo soube que meu visto tava errado, no tombo que eu levei na escada e quase perdi a bunda... na chata da professora que eu tive que suportar.

Pensei na raiva que fiquei em me mandarem voltar pro Brasil, como se minha casa fosse aqui do lado, como se dinheiro fosse soh um papel, e como se eu não tivesse opinião própria... Mas qdo não se fala a língua... a gente fica mesmo sem opinião... soh ouve... pensa todos os palavrões que aprendeu desde criança, e faz o que mandam... como um robô... sem argumentos!!!!

... Mas também lembrei na força que fiz pra me provar que ir pro Brasil seria uma boa ideia.Viria a minha família, trocaria minhas roupas da mala, e compraria presentinhos para todos. Lembrei das horas que passei na BOOTS, escolhendo os cremes que minha mãe pediu que estica a pele, na força que fiz pra ler os rótulos de todos os produtos do John Frieda e ver qual shampoo se encaixa melhor no cabelo da minha irma... Lembrei de tantos perfumes que experimentei pra achar um que lembrasse a minha vozinha... E tudo isso fiz no sábado... ha apenas 4 dias... e nao tava mais preocupada que nao iria embarcar agora.
Ateh a canga do Brasil, que eu procurei Bertioga inteira pra trazer, dei pra uma amiga! Realmente estava feliz de voltar pro Brasil!!! E ai de repente tudo muda... de novo!!!! Outro foco!!!

E agora... pensar no trabalho, na viagem, no navio, nas massagens (que jah nem lembro mais)... A raiva era tanta, que nem chorar eu consegui! Ou o frio era tanto que secou todas as minhas lagrimas!

Fumei um cigarro inteiro em 30 segundos... coisa que não faço desde que vim pra cá! (Geralmente fumo só metade, e guardo a outra pra depois - R$15,00 um maço!!!! rsrsrs).

Enquanto tava lah sentada... viajando em mim, percebi a uns 50 metros do meu lado, um cara fazendo um showzinho. - aqui tem muito disso, artistas de rua- e comecei a prestar atenção nas palhaçadas dele... o cara se atirava no chão, cantava, dava uns gritos enormes... e a galera, em volta dele soh gargalhava... tava bem divertido!!!

Eu não podia me abalar com tudo isso! Tinha que arranjar forças pra seguir em frente... e lembrei da frase que sempre falava pra todo mundo... e sei que eh uma qualidade minha! "Bom humor: Sempre! Pensar em coisas positivas... ver o lado bom das coisas, por mais que tudo esteja na merda!!!! E ai, naquela hora, virei minha terapeuta... rsrsrsrs. E percebi que tenho muita sorte, SIM!!!

Sair de Bertioga foi a melhor coisa que fiz, aquela cidade não me merece! O Raul, se for o homem da minha vida, vai reaparecer... Minha cachorrinha, família, amigos estão lah, me esperando, e me amam. Essa oportunidade que estou tendo, tem que ter muita coragem pra encarar! E eu tenho! Na minha vinda pra cah conheci o Gu! E viramos parceiros de aventuras! Encarei o monstro da imigração e ganhei a disputa, afinal, passei pela porta! Fui pra Paris sem falar "bom dia" em francês, e ja posso ser guia turística de lah! Conheço Londres como a palma da minha mão, e ateh os truques dos metros já aprendi com a Cris!!!

E por falar na Cris... nao existe sorte maior do que ser amiga da Cris, poder ver a mão dela esticada pra mim em todas as vezes que me fud... Poder ver ela vibrar comigo em cada conquista que eu tive... Poder aprender a historia do mundo inteiro com ela! (Jah sei a historia da monarquia inglesa como se estivesse estudado numa escola daqui! rsrsrsrs) Ter o Eamon como "pai" e levar a bronca que eu levei por chegar as 4hs da manha no sabado!!! Foi legal de mais!!!! KKKKKKKKKKKK. Sair pra jantar nos restaurantes mais bacanas de Londres, viver como uma verdadeira inglesa... e sentir que realmente eles gostam e fazem questão da minha companhia... ah.... eh bom demais!!! Por que eu tenho que me queixar?!?!?!

Meu roxo na bunda ja saiu! Tirei notas otimas na Steiner, mesmo sem ingles, mesmo com a professora sendo uma chata, e mesmo achando que eu nao estava indo bem... (perfeccionista eh a mae!!! rsrsrsrs). Fui no consulado americano com a cara e a coragem (no meio daqueles guardas cheios de metralhadoras - como esse povo tem medo de terrorismo!!! Eh, eles tem motivo!) - e consegui conversar com a consulesa fluentemente, com um ingles de dar inveja a mim mesmo, se eu conseguisse lembrar o que falei... e bem na minha frente, vi um carimbao gigante cancelando o meu TAL MALDITO VISTO "D"... eh sorte sim!!! Muita!!!!!

Levantei do gramado... os sol ja tinha sumido ah um tempao... e minhas articulacoes ja nao articulavam mais... rsrsrsrrs... o frio ta demais aqui esta semana... e fui andando... andei ateh a casa da Cris... e recebi o abraco mais gostoso desses dias qdo disse que tudo deu certo no consulado!!!

Eh sorte sim! Muita! E sei que tudo vai dar certo!!!! Pensamente positivo! Sempre!


terça-feira, 19 de outubro de 2010

E agora??!?!?! Que que eu faco?!?!?!

Quem jah assistiu novela mexicana? Daquelas que passavam no SBT... que todo mundo se Fod... mesmo?! Pois eh... too numa!!!! Vai ser zicada lah na PQP!!! Sei que minha boca tah suja... sei que os palavroes que eu segurava no comeco do blog estao aflorando por aqui esses dias... mas MEU DEUS!!!! O QUE EU TE FIZZZZZ?!?!?!?! Ja fui na Igreja! Ascendi vela!!!! E nada!!!  (mas ainda nao perdi meu bom humor! Afinal, too em London!!!!)

Pra comecar terminei meu curso, 3 semanas inesqueciveis... faria tudo de novo porque realmente adorei! Aprendi muito (jah esqueci a metade, rsrsrsrs), conheci gente do mundo todo, curti bastante a Steiner. 

No final de todos os dias... fazemos faxina sim, mas até que eh divertido! Fizemos uma grande panela... de brasileiras. E era muito engraçado a gente falando em português e todas as gringas fazendo cara de "bolinha" sem entender nada.... pq tem umas gringas... que, fala sério... são nojentas mesmo!!!! Teve até um episodio que eu fiquei sabendo que uma gringa se recusou a deixar uma brasileira fazer massagem nela, Pode?!?!?! Unhf!!!!

Na quarta feira, qdo faltava 2 dias pra terminar o curso, resolvi marcar minha passagem de volta pro Brasil.................... 2 de dezembro!!!!! Como vou ficar aqui ateh 2 de dezembro?!?!?! Tentei de varias maneiras resolver meu problema! Liguei pra Iberia do Brasil, Iberia de Londres, de Madri... e nada ! Nao tem passagem.... teria que tentar comprar outro ticket por outra agencia... quase 3 mil reais!!! Ta doida?!!!!

No domingo voltei pra casa da Cris, de mala e cuia... o Eamon ligou pra Iberia de novo, e disseram pra eu ir ao aeroporto e tentar colocar meu nome na fila de espera.... Segunda feira, acordei cedinho e la fui eu, com todos os documentos pra provar que era uma EMERGÊNCIA!!!!! Nada! Aquele espanhol-ingles foi um estupido comigo!!! Chorei, eh claro... ele disse que nada poderia fazer ... que não dava pra colocar meu nome na lista de espera... e que... sei la... nao entendia mais nada!!!! Fui chorando fumar um cigarro! Eh mae... voltei a fumar!!! To um poço de nervos!!!! Depois fui pra Steiner... na mesma hora... e demorei 2hs pra chegar... eh, eh longe sim... ainda mais qdo o trem quebra 2 vezes! (Zica...? Magina!!!!!).
Cheguei lah e fui falar com a Beatriz, ela disse que nada podia fazer... que eu teria mesmo que pagar uma outra passagem!!! Ta doida?!?!?! Ai ela disse que a segunda opção era tentar falar com a embaixada daqui, pra resolver isso!!! Fala serio!!!! Ja nao tinha tentado isso??? Pelo visto nao!
Cheguei na Cris... contei toda a história pra eles, e hoje agradeço a Deus por ter colocado esses anjos no meu caminho!!!! O Eamon ligou pro consulado (£1,20 p/min)... e descobrui que eu posso, eh claro, tirar meu visto por aqui!!!! Agendamos pra amanhã mesmo... paguei de novo os 140$ (que eu já tinha pago no Brasil), preenchi de novo aquele maldito formulário... só que dessa vez só demorei 3 horas... e não 2 semanas (to craque), e amanhã será meu appointment!!!!

Torcam por mim por favor!!!! E quem torce contra... vai procurar o que fazer!!!!! GRGRGRGRRRRRRRRRRRRRRRRRRRRRRR


bjus................... rsrsrsrs

domingo, 10 de outubro de 2010

DICAS

Dica: Para passear em Londres é bem simples. Só pegar o mapa do metrô e um de turista... e ir seguindo a estações de metrô. O pagamento do metrô aqui é meio confuso de entender, mas vou tentar explicar: Existe zonas de localização. 8 zonas... então bem no centro é zona 1, depois para as laterais vem a 2, a 3... e assim por diante. Se vc entrar no metro na zona 1 e sair na 1 vc paga um valor... se for sair na 2, é um pouquinho mais... e assim por diante... Existe cancela pra entrar do metro e sair também. Portanto qdo vc vai comprar a passagem, eles perguntam aonde vc vai descer.... pra saber qto vc tem que pagar. Se vc comprar o cartão Oyster (You MUST by), fica bem mais barato. Vc passa o cartão na ida... e na saída, e é debitado do valor que vc carregou. Se vc for usar o metro uma única vez... compra o cartão da Oyster e compra a passagem no guichê, explicando aonde quer descer.... MAS PRESTE ATENÇÂO, se vc for ficar rodando todos os metrôs... fazendo passeios de turista... tipo uns 10 metrôs por dia! (E olha que é pouco... na minha 1° semana aqui, fiquei mais tempo embaixo da terra do que em cima... igual tatu!!!) rsrsrs Então, aí vc carrega o oyster com o Day Pass. É 5,60 pounds... e vc anda o qto vc quiser o dia inteiro... e no dia seguinte compra de novo. Se vc comprar um unitário... é 4 pounds.... entendeu a diferença e a economia? Deu pra entender? Confundi a cabeça de meio mundo agora!! KKKKK



Dica: Pra quem trouxer computador, maquina fotográfica, celular... ou seja, coisas que ligam na tomada... não esqueçam que aqui a maioria é 220, e as tomadas tem três buracos verticais... ou seja: YOU MUST BY um adaptator! Mas não faça como eu!!! Comprei um adaptador numa lojinha de 1 pound (sou muuuuito econômica) . Não funcionou... é claro.... pensei que estivesse quebrado... voltei lá, como não sabia aonde tinha enfiado o recibo pra trocar, comprei outro... também não funcionava! (depois descobri q esse baratinhos é pra usar o barbeador... coisas que exigem pouca carga) Ou seja... o barato sai caro. Comprem um adaptador de no mínimo 5 pounds... que venha em embalagem.... não esses vagabonds, soltos... é dinheiro no lixo!



Dica: Qdo for atravessar a rua, preste muuuuuita atenção pra olhar o lado certo de onde vem os carros... aqui é tudo ao contrario! Não esqueçam disso! E se o farol tiver aberto para os carros... e vc estiver no meio da rua... os motoristas não tão nem aí pra vc... vão metendo o carro em cima! Portanto.... para evitar lesões: Pay Atention! Se vc ver uma rua com uns postinhos com uma luz piscando em cima de cada poste... aí sim vc pode atravessar pq eles são obrigados a parar a qqr hora qdo tem pedestre... mas esse postinhos não tem em todo lugar não.

sexta-feira, 8 de outubro de 2010

1° e 2°semana



Quem aguenta a primeira semana da Steiner... aguenta qualquer coisa na vida! Realmente é que querer estrangular uns 30!!!! KKKKK

Segunda de manhãzinha, desce o mundaréu de gente da YMCA pra pegar o busão 258, daqueles de 2 andares vermelhinhos.... não precisa se preocupar em descobrir como vai até o ponto, ou qual é o n° do ônibus.... é só seguir a "leva".

O primeiro dia da Steiner é bem teatral.... todos vamos pra uma sala.... as funcionárias fazem aquele papel de "chefes" nos primeiros minutos... mas depois logo descem do salto quando começam a perceber que elas não organizaram as coisas direito, e tá tudo virando uma bagunça. Escolhemos a numeração dos uniformes..... pegamos uma porrada de apostilas e formulários pra preencher, pagamos a Jane (só pra isso que ela tava lá.... pra receber a nossa grana! rsrsrrs) , e depois ficamos na fila pra entregar os documentos....

O tal workbook não será entregue neste dia, portanto relaxem se deixaram pra fazer na última hora... vc terá ainda um dia!!!! E na verdade ele nem eh entregue... na prova da terça feira, só cai o quiz enviromental... igualzinho! Entao decorem... e pronto!

Qdo fui entregar meus documentos... percebi que sou zicada mesmo!!!! Meu visto americano veio errado.... e neste mesmo dia, já ouvi me falarem: "Sinto muito Fernanda, mas sem o visto vc não vai embarcar.... " aí o inferno começou.... "Mas vou ver o que posso fazer por você...."

2° dia: todos na sala grande de novo pra responder a chamada. E depois para sabermos pra onde vamos. Massage Therapist na sala 8.

Nossa professora, gracinha de mulher.... Indiana-africana-inglesa (mistura de tudo) super simpática (não deu pra perceber, mas tentei fazer uma ironia). Com um sotaque bem fácil de entender.... As primeiras patadas já vieram no 1° dia... e a cada dia que passava elas aumentavam... principalmente contra as brasileiras.... e não preciso dizer que me incluo nesta categoria.... rsrsrrs. A mulher eh realmente muito grossa. Tudo que eu achei dela no 1° dia, eu "desachei" no 2°. Enquanto ela explica as terapias e manobras, temos que ficar em constante atenção. Ela dah bronca de graça, na frente de todo mundo... e faz questão de te diminuir! Teve uma vez que eu nao entendi um negócio...e fui perguntar pra ela como fazia, ela disse: "eu acabei de te explicar isso! Porque vc fez errado?" ai eu respondi que estava anotando e perdi o movimento (na hora de olhar), então ela: "Fernanda! Não me venha com desculpas!!!!! " e eu: "isso nao eh uma desculpa porra! (em português mesmo) Vc perguntou e eu respondi!!!!! " Falei alto e gritando!!! Ahhhh, virei bicho!... ela olhou feio pra mim e abaixou a cabeça!!! Ainda bem que ela não sabe que "porra" eh um palavrão!!!! . Percebi que temos que aguentar vários desaforos, mas não podemos perder a nossa auto confiança e fingir que somos bobinhas! Temos que mostrar um pouco de personalidade também.... Ela não encheu tanto o meu saco depois desse dia.... só um pouquinho vai... rsrsrsrs

As aulas são realmente muito puxadas... cheias de sequências e técnicas... Tem uma ordem certa de tirar a toalha do pescoço, cobrir os pés, tirar o óleo do forno, explicar pro paciente uma coisa, falar outra... eh realmente uma decoreba... mas no final, da até pra começar a gostar!!!

Me esforcei muito durante esta semana. Estudei bastante, bastante mesmo. Ía dormir as 3hs da manhã e acordava as 6h! Mas deu tudo muito certo! Tirei 93% na primeira prova. Na segunda 96%... e fui muito bem na prova prática. Passei em Deep tissue massage, Aroma SPA Ocean Wrap, e Lime and Ginger Salt Glow (que são as técnicas da primeira semana). Muito legal...
Estou tendo bastante dificuldade em apresentar meus SPA TOUR. Precisamos apresentar as técnicas pros passageiros que estarão chegando no dia de embarque. Temos que fazer um textinho e apresentar na frente de todo mundo (sem ler, eh obvio!). Se fosse em portugues seria suuuuper fácil... mas em inglês... eu travo! (chorei 2 dias no banheiro por causa disso! KKKKK). Mas sobrevivi.


Na quinta feira, que eh o dia que as lojas do shopping ficam abertas ate as 9hs, resolvi ir trocar meu celular que estava quebrado.... desci correndo as escadas escorreguei, e levei o maior tombo da minha vida. Fiquei deitada no chão por 15 minutos. Um cara (indiano) me ajudou e perguntou se eu queria que ele chamasse uma ambulância!!! Na hora pensei que minha perna tinha virado do avesso!!! KKKK. Chorei!!! (não diga!!!!). Acho que devo ter quebrado o coccix e o sacro! Tenho um roxo gigantesco no meio da bunda e sinto uma dor enorme qdo sento e levanto... mas vou esperar passar... não tem como engessar a bunda mesmo!!!! KKKKK. Contei pra Cris e ela disse que eu tenho que ir numa igreja pra me benzer!!! Vou fazer isso! rsrsrs

A segunda semana foi mais light. Sai da YMCA e fui pra uma casa de família. Adorei o pessoal da casa, e as crianças. A "mãe" eh brasileira casada com um Inglês, que eh super paizão!!! Família linda mesmo! Conheci a Ines e a Vivi (brasileiras, q também estão hospedadas lah) e fizemos uma boa parceria! Viramos irmas! O único problema de tudo isso eh que continuo soh falando português... o tempo inteiro, e sei que esta me prejudicando bastante!

A professora da segunda semana eh um amor, Michele. Estudamos HOT STONES, Thai Herbal Poultice Massage, e os produtos Bliss. Foi bem proveitoso. Fui bem na prova de novo! 91%, e na prova prática... a professora soh disse que fiz rápido demais, mas tudo foi muito legal! Meu SPA TOUR continua um coco. Mas to adorando tudo, de verdade.

Grande Problema: Meu visto americano esta mesmo errado. Na segunda feira recebi a grande noticia que terei que voltar ao Brasil pra resolver isso! Fiquei puta na hora... chorei (sei que sou chorona... mas aqui es emoções ficam a flor da pele... até que estou me segurando bastante). Por um lado eh bom pq verei minha mãe, vozinha e irma de novo (só agora tive noção do quanto eu AMO a minha família!). Poderei mudar minhas roupas e deixar os casacões que comprei... poderei comprar cosméticos e lembrancinhas pra todos....e não me preocupar com excesso de bagagem no navio).
Tenho mandado e-mail pro consulado americano diariamente, pra tentar resolver isso... mas primeiro me responderam que eu terei que estar no brasil, e mandar meu passaporte pelo correio pra resolver isso, seria bem rapidinho, pq o erro foi deles. Depois falaram que eu preenchi a merda do formulário errado e não solicitei o C1/D, soh D; então terei que remarcar uma nova entrevista, pagar tudo de novo, e esperar sentada no Brasil. Grgrgrgr.
A Steiner me disse que terminarei meu treinamento, irei pro Brasil e lah eles irão mandar minha passagem de avião pra onde o meu navio estiver (isso se ele nao estiver em santos, aí pego em casa mesmo.. - como se fosse ônibus). Estou achando que vou no Royal, Caribe, senão eles não fariam tanta questão do meu visto! Adoraria ir pra Royal! Torçam por mim!!!!

Dica: Como não temos almoço, e as comidas da cantina da Steiner são bem desagradáveis, e meio carinhas se vc fizer a conversão pro real (continuo fazendo isso, já que ainda não recebo em Euros!!! KKKK), eh bom passar mum mercado e comprar uns pães... queijo, saladas... fazer um sanduichão e levar pra steiner. Refri vc pode comprar la na maquina de latinhas que eh 60 centavos...

O segundo weekend eh off! Vim pra casa da Cris de novo. Fomos em Spitafields (um bairro de artistas e descolados... muito delicia). Fomos na Harrods, depois num Pub, e depois saímos pra jantar num indiano. Dormi aqui na casa dela. Hoje eh domingo, vamos no National History Museum, e depois voltarei pra "casa".

Quero muito morar aqui...

domingo, 3 de outubro de 2010

Treinamento Steiner London - Dicas

Oiiiiiiiiiiiiiiiii!!! Sei que estou em falta... sei que faz muito tempo que não escrevo... mas realmente não deu tempo... é uma correria danada....
Queria escrever como foi meu passeio em Londres... como foi bom ficar na casa da Cris... ser recebida pelo Eamon de braços abertos... gracinha os dois! Queria também contar sobre todos os meus passeios, as minha aventuras, as vezes que me perdi, e me encontrei. Queria contar tudo que vi, e o que eu aprendi.... Meus passeios com o Gu (meu amigo do avião), e a impressão que tive daqui.... Ahhhhh, são tantas coisas... Mas vou deixar pra escrever depois pq sei que o que mais interessa em toda essa história é o TREINAMENTO!!!!! rsrrsrsrs.....

Para ir a Waltford, de trem (bairro aonde ficam a Steiner e o YMCA). Tudo bem facinho. Desce no metro de Euston, e lá mesmo compra a passagem de trem pra Waltford. Aconselho de verdade comprar um cartão Oyster... custa 3 pounds, e vc carrega com o valor que quiser, coloque o weekly pass (dura uma semana e custa 16 pounds - sai bem mais em conta, pq pegaremos onibus todos os dias). Como fiquei uma semana na casa da Cris, já tinha o cartão, então foi só passar na cancela.... e pegar o trem. Qdo cheguei no albergue, vi um monte de gente chegando também.... perdidos como eu... Logo que entrei no meu quarto conheci a Mika (EUA) e a Sharon (Australia). Esta última foi embora 2 dias depois, pq não gostou do treinamento.
O Albergue não é tão ruim assim, já fiquei em piores... rsrsrsr
Descobri que o YMCA é o autêntico YMCA da música... é um "albergue de luxo" pra pessoas que não tem aonde morar, ou que estão em reabilitação de alguma coisa. A música foi feita por causa desse albergue! Não é fantástico?!!! E eu acabei de sair de lá... hoje mesmo!!!

O Refeitório é bem bacana, as pessoas ficam lá estudando até a 01:30 da manhã... qdo somos expulsos...rsrsrs... Não preciso dizer que fui expulsa todos os dias.... Não pq estava na balada não.... estudando... mesmo! Todo mundo estuda muito! De um jeito bem divertido! Com música, TV ligada, gente conversando, e todo mundo falando com as paredes! De VERDADE! Temos que fazer algumas apresentações de produtos e tratamentos... decoreba mesmo... então as pessoas apresentam pras paredes, pra treinar!!! KKKK Eh muito engraçado ver essa cena! Parece um hospício!!! E tambem virei paciente desse hospício, pq fiz isso vááááárias vezes.... rsrsrs.
Os quartos tem um cheiro ruim. O meu era bem gelado (pq era o último quarto, do 3° andar), e a janela estava quebrada... não fechava... na verdade fui eu que quebrei.... rsrsrsrs... ninguém sabia disso - até agora. O banheiro está geralmente muito sujo. Como tem muita gente dividindo o mesmo banheiro, não dá tempo de encher a caixa pra descarga... então de noitinha.... ja viu né! Fedozão de xixi!!!
Dicas:
Tem um shopping embaixo do albergue.. as coisas são realmente bem baratas. Não leve nada de cosméticos, compre tudo lá! Comprei um shampoo e condicionador do John Frieda, que em São Paulo pago 56 reais, por 3 pounds (9 reais), maquiagem... uma pechincha... lenços umedecidos por 1 pound 2 pacotes com 100!!! E tem uma loja que é um verdadeiro absurdo!!! Chama-se Primark!!! A qualidade não é tão boa, tipo Marisa do Brasil.... mas os preços.... são de deixar qqr brasileiro com vontade de comprar tudo! E tem de tudo mesmo! Desde Malas de viagem, até coisa pra banheiro. Uma outra loja mais em conta com uma qualidade melhorzinha é a MeS.... dá até raiva de como são baratas as roupas. (essas lojas tem espalhadas por Londres inteira... qqr lugar vc vai encontrá-las.)

Quem chegar no domingo cedo na YMCA dá pra fazer compras... mas corram pq o shopping fecha as 18:00 todos os dias... menos de quinta, que vai até as 21:00h. Outra dica que eu dou é que vcs comprem spray de cabelo, e o tal Donuts, pra ajudar a fazer o coque. (na Steiner vc é "revistada" todos os dias.... então comprem mesmo!). O Donut custa 3 pounds, e é super fácil de usar.
Não comprem mala de viagem aí... pega qqr uma velha que vc tenham, e deixe pra trocar de mala aqui. Comprei uma mala de rodinhas... (pq a minha já estava quase explodindo), dessas que são moles, pra guardar em baixo da cama na cabine do navio... bem gigante... Coube todas as minha coisas e ainda sobrou espaço... Paguei 26 pounds, na lojinha do lado da escada rolante no shopping (bem perto da entrada do YMCA) - em São Paulo, tinha visto igual por 200 reais.

Mas melhor dica até agora é comprar um celular na Carphone Warehouse. Comprei um gracinha por 20 pounds. Ele vem com um cartão SIM ou da Vodafone, ou Orange... mas aí depois vc vai nos mercadinhos que tem espalhados por Londres, tipo lojinha de conveniência, e compra um Chip da LEBARA (de 2 a 5 pounds - dependendo do lugar). A ligação é 2 centavos de pounds por minutos, pra falar com Brasil!!! Realmente vale a pena!!!! Vc carrega ele como se fosse o nosso pré-pago é a mesma coisa. Mas lembrem-se, não comprem direto na vodafone, pq os telefones que eles vendem lá são um pouquinho mais baratos, tipo 5 pounds mais barato, mas são bloqueados para o uso do LEBARA.... então vc vai gastar mais pra desbloquear....

Quando for lembrando... vou colocando mais dicas.... ok.. e se alguém tiver alguma pergunta... é só falar....

Contarei sobre o treinamento no próximo post... agora vou tomar banho (na minha casa nova). rssrsrrss

segunda-feira, 27 de setembro de 2010

Cheguei!!!!

Tentarei escrever td q me chama atenção e algumas meninas steiner que estarão chegando em algumas semanas.
Tem um cara sentado aqui do meu lado, lindo de morrer. Tem o cabelo raspado... acho q é careca, rsrrs, ta falando ao telefone há 30 min. Vestido num terno bem alinhado risca de giz, tem uma camisa rosa clarinha, e pasmem, suas meias são rosa Pink! Rsrrsrs
15/09/2010
Cheguei ontem . O vôo do Brasil pra Inglaterra foi uma delicia. Depois que me despedi da minha família no aeroporto foi q caiu a ficha que realmente minha vida está mudando.
Qdo sentei no avião, fiquei rezando pra não pegar alguém do meu lado que pesasse 200kg, q me esmagaria na minha poltroninha, e nem uma mulher com criança no colo, chorando o vôo inteiro. O alívio apareceu qdo um garoto lindo, loirinho de olhos azuis sentou sorriu pra mim... hmm. Rsrsrs. Conversamos a viagem inteira, quase não dormimos . Realmente um fofo. Lembrarei dele como a minha “chavinha de ouro” para novos amigos.



A conexão em Madri deu td certo. O aeroporto é gigante, mas super sinalizado. Tivemos que pegar um trem do desembarque para a conexão, e sair correndo pra nao perder o próximo vôo. O Gustavo foi pra Lisboa, e eu, como ainda tinha um tempinho, fui comprar um ímã de geladeira.
Eu e o Raul costumávamos comprar uma caneca de cada lugar que visitássemos. Agora comprarei um ímã, é mais leve, e ocupa menos espaço na mala.



Aeroporto de Madrid (chiquerrimo)

Qdo cheguei em Londres, no aeroporto de Heartrow meu sonho começou a se tornar um pesadelo. A Cris me esperaria às 15:00, horário que chegaria meu vôo.
Durante a fila da imigração, eu tava calma e relax. Nunca vi tanto muçulmano na vida! Eram famílias inteiras. Homens com aquele lenço enrolado na cabeça, com 2, 3 mulheres à tira colo, de burca! Me vi na novela!
Qdo chegou minha vez, estava confiante, afinal tinha a cartinha da Steiner mandou pelo correio. Entreguei também a cartinha que a Cris fez, e meu passaporte. Aquele saguão, acho que estava em reforma, o carpete todo comido, o teto cheio de buraco, e um fedô de cecê, q eu não sentia desde da última vez que fiz baudiação na estação BRAZ em São Paulo, as 6hs da tarde... rsrsrrs.
Por que vc veio pra Londres?
Vim fazer um curso. – entreguei a carta. – I’m sorry, but I don’t speak english very well.
Ok, quanto tempo ficará aqui?
12 semanas. Irei fazer um curso. - Expliquei que era fisioterapeuta e iria trabalhar num navio (cagada ter falado no trabalho, foi aí que ele virou um monstro).
Se vc é fisioterapeuta, pq precisa fazer um curso? Vc já não aprendeu as coisas na faculdade – Pergunta mais imbecil q já ouvi na minha vida!!!!
Disse que era curso de massagem – outra cagada que falei – Massagista+brasileira= PUTA
Foi de matar as perguntas... eu ia me confundindo. Ele perguntou em qual navio iria... deveria ter mentido, dizer qqr um, mas falei q não sabia...encanou com o meu visto americano... puts, foi um inferno. Isso durou uns 20 minutos. Eu tava quase chorando... mas me segurei... meu queixo tremia, igual de criança! Nunca vi isso! Rsrsrsr. Pedi por favor pra ele ligar na Steiner pq eu não estava conseguindo me explicar. Ele disse que não! Que eu não iria entrar no país pq eu estava aborrecendo ele. Aí ele colocou a mão na testa... ficou olhando meus papéis. Nisso eu já tinha entregado o Código fiscal, Starter Pack... qqr coisa!!!!
Ele Saiu andando e mandou eu sentar nuns bancos duros... junto com um bando de gente!
Voltou em 10 minutos, me chamou, carimbou meu passaporte e disse: Bye.
Passei por ele e comecei a chorar que nem louca, Tava nem aí se alguém ia me ver chorando. Soluçava enquanto procurava a minha mala. Achei a coitada perdida sozinha num canto. Passei depois por uma porta aonde fica os oficiais escolhendo as pessoas para serem revistada (e suas malas). Colei ao lado duma velhinha. “eles não iriam revistar a mala da netinha” . Cataram a velhinha!!! Rsrsrs. Fui andando. Qdo as portas da saída abriram, vi a Cris do lado direito. Abracei ela e chorei mais ainda. Tava com vontade de voltar pra casa.

Depois de chorar horrores.... consegui botar os pés fora daquele aeroporto.... afff

Fomos pra casa da Cris, o Eamon, marido dela nos levou pra um pub, jantamos, e agora já estou no trem, à caminho de Paris. Parece que já estou chegando, mas estou com medo de qdo for tentar entrar em Londres de novo. Tomara que os oficiais da imigração que ficam na estação de trem sejam mais legais.

Cris, no elevador da estação de trem

E que venha Paris!!!

sábado, 18 de setembro de 2010

Ola Amigos!!! hihihihihi

Paris eh a coisa mais maravilhosa que eu ja vi! Nao tenho tempo pra escrever mais... estou escrevendo num caderno td que esta acontecendo e depois passo pra ca!
Bjos a todos.... Saudades de todos!!!!

domingo, 12 de setembro de 2010

Bye Bye Brasil!!!!



Terminei definitivamente de arrumar minha mala. Pensei que não tinha separado muita coisa, mas enquanto estava fazendo... um bolo de roupas crescia dentro da mala, e ao mesmo tempo não diminuía em cima da cama! Como isso é possível?!?! Depois do quebra-cabeça, tentando fazer cada peça se moldar em outra, finalmente o zíper fechou. 20kg de limite tá de bom tamanho, só espero que a minha mala não ultrapasse. Não tenho balança de banheiro... Vou ter que esperar a hora do check in pra saber... Poucas horas....

O tempo realmente passou depressa. Tenho pensado muito sobre o meu comportamento. Sobre como devo me portar quando estiver no navio. Estive falando com o Raul esses dias. Na verdade acho que não contei ainda aqui, mas nos falamos quase diariamente pelo MSN. Ele está bem, agora, porque no começo imagino que sofreu. Ele sempre comenta o qto é dificil os relacionamentos no navio. As pessoas reclamam de tudo e de todos. Alguém que era teu amigo ontem, já deixou de ser hoje. Hoje o teu chefe acha vc o melhor funcionário, amanhã te dá uma bronca. Ele diz que é tudo muito difícil. Que tem que ser muito forte pra aguentar. Será que eu sou?

Penso em ir com a cabeça no trabalho. Ser muito profissional em tudo que fizer. Ser mais séria e mesmo brincalhona, mais "elegante" e menos mulecona. Penso que devo mudar o meu jeito de ser, sem mudar a minha personalidade. Focar no trabalho e nos passeios... e esquecer as pessoas. Mas será que isso é possível?!

Por outro lado, penso que ninguém sobrevive sem amigos. Como posso passear sem ter ninguém pra vibrar junto? Como posso trabalhar, sem poder contar com a ajuda de alguém? Como posso dormir no mesmo quarto de alguém, e não ser amiga dela?!?! Tenho facilidade em fazer amigos, só não sei escolher direito.... rsrsrs. O meu problema é que mergulho de cabeça em uma amizade. Confio nas pessoas como se fossem da família... Defendo, compro briga, e geralmente quebro a cara... isso realmente terei que mudar... Mas, só o tempo vai me ensinar.

Tenho medo de pegar um gerente chato. Exigente demais e prestativo de menos. Tenho medo de me sair mal no curso, mesmo sabendo que eu sempre me destaquei nos cursos que fiz. Tenho medo de que minha colega de quarto seja fedida e suja, ou tagarela e doida. Tenho medo de não gostar da comida e morrer de fome... De trabalhar 16 horas seguidas... Tenho medo.... Puts... se for falar tudo, acabarei desistindo de ir.... rsrsrs

E dúvidas. Tenho tantas dúvidas... Algumas um tanto idiotas. Vou listá-las aqui, e um dia preencho com as respostas.
. Como preencher o tal workbook? Preencher tudo ou só Body e Quiz?
. Temos que saber todos os produtos Elemis ou só Body? (eu só sei body!)
. As provas são realmente muito difícies? (essa pergunta é uma das idiotas)
. As treinadoras botam terror mesmo ou isso é papo?!?
. A escolha do nosso navio depende do nosso desempenho... ou é só pra fazer um suspense?
. Como faço pra lavar roupas no treinamento? E no navio?
. Aonde guardo o meu dinheiro?
. Teremos camareira ou é a gente que limpa o quarto? (essa é uma das idiotas)
. Temos que dar palestras no navio?
. Somos obrigados a ir em todas as noites do comandante? (outra idiota)
. Será mais fácil arranjar um emprego na área quando eu sair do navio?
. Qto realmente eu vou ganhar?
. Será que vou conseguir falar fluentemente inglês?
... e mais um monte... inclusive idiotas.... rsrsrsrrs

Bom, já são 11hs da noite... Amanhã saio de casa lá pelas 14hs e às 19hs meu vôo sái. Chego em Madri Às 10hs. De lá pego outro vôo às 13:30, e às 15:00 a Cris me aguardará no aeroporto de Londres.

Espero realmente que tudo dê certo. Vou com pensamento positivo, com o intuito de crescer e absorver tudo de bom. Não vou me chatear... Vou ficar fora de discussões, gente falsa e festas de arromba! Vou tentar fazer o meu trabalho direitinho, ser simpática com os clientes e ganhar muitas gorjetas. Não terei preguiça em acordar cedo ou fazer faxina no SPA (é... tem q fazer. É proibido faxineira lá... somos nós mesmo!). Vou tirar um milhão de fotos e vou postar no orkut, e aqui no blog sempre que possível.
Prometo que escreverei tudo nos mínimos detalhes pra ajudar quem está no mesmo barco.. ou melhor... indo pra algum... rsrsrss. Jamais desistirei, mesmo se for a experiência mais horrível do mundo. Mesmo se a comida for nojenta, se a minha colega de quarto for fedida, se meu gerente for um chato, ou se minhas horas de folga não existirem.
Chorarei até o último soluço, até secarem as lágrimas e depois lavarei o rosto, passarei minha full make up, e seguirei em frente, de cabeça erguida e com sede de sucesso.
Um grande beijo à todos os meus amigos, aos meus familiares, e às pessoas que eu não conheço! Escrevam recados pra mim, pois sei que irei precisar!

LONDON, AÍ VOU EUUUUUUUUUUUUUUUUUUU!!!!!!




Uhuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuu!!!! :) :) :)





Eu, mami e Paula no aerporto... friiiiiiio na barriga!

Despedidas II....



Olá pessoas! Pois é... chegou a hora... As despedidas terminaram... pelo menos pessoalmente. Sexta feira fui na casa da Maria... minha amiga-mãe que mora meio em Bertioga meio em Portugal. Ganhei uma festinha de despedida, a última entre amigos pois não há mais tempo de se fazer outra... Obrigada meus amigos pelo carinho.

Maria, tive que colocar uma foto nossa com a Gil também, senão já sabe né?! É de um ciúúúúme...... rsrrsrsrs


Gil, Mary e eu


E ontem (sábado) foi a vez do último jantar em família... Sempre que podemos estamos juntas. Depois do casamento da minha irmã, e da minha vinda pra Santos.... nós três... e o Rafa (por tabela -rsrsrsr) tentamos nos ver sempre.
"Meninas Casagrande" como alguns amigos costumam nos chamar.

Sei que essa viagem chegou pra unir ainda mais a nossa família e mostrar o quanto cada uma é importante na vida da outra. AMO e admiro demais minha irmã e minha mãe, e sei o quanto elas estarão torcendo por mim. Sentirei muita falta delas e da minha vózinha, que é meu orgulho! Mulher linda e cheia de saúde: 83 anos de fazer inveja a muita menina de 30 (como eu). É tanta disposição que cansa só de olhar!!! rsrsrsr


sexta-feira, 10 de setembro de 2010

Despedidas...

Como é difícil contar os dias... estão passando depressa, muito mesmo. Queria poder segurar o tempo pra ficar mais com minha família, abraçar mais a minha vozinha, e ir às compras com a minha mãe... é o que mais temos feito!! KKKK.


As despedidas já começaram. Há duas semanas fui pra São Paulo dar tchau aos meus amigos de lá... fomos em um restaurante delícia na Serra da Cantareira (O Velhão). Estava um dia lindo, um solão que brilhou de presente pra gente. Como é bom ter amigos como os meus... de infância, verdadeiros. Cúmplices. rsrsrsrs



A Carrô conheço desde os 3 anos! A Lú e o Paulinho desde os 10 anos... é uma vida! Crescemos juntos... perrengues da adolescência, e o ínício dessa vida... "adulta". hehehe

Sempre me lembro que no momento mais difícil da minha vida, quando meu pai estava doente, eles passaram inúmeros finais de semana inteiros comigo no Hospital. A Beneficiência virou minha casa. "Moramos" praticamente 4 meses direto lá. Minha mãe ficava com o meu pai de segunda à sexta, e eu de sexta à segunda... e meu amigos lá, me fazendo companhia, me distraindo... ou não fazendo nada, como eu, olhando pras paredes, rezando escondido (quem me conhece sabe porquê) e esperando a hora chegar... E quando chegou consegui ser mais forte do que imaginava. Do que todos imaginaram... Arranquei forças não sei da onde... só sei que superei. E sei que grande parte da minha recuperação se deu pela presença que tive dos meus amigos. Obrigada meus lindos.

Hoje sei que meu pai continua presente, olhando pela gente e mostrando o melhor caminho. Sei que tem a mãozinha dele nesta minha loucura... e sei também que ele vai estar ao meu lado me protegendo, sempre.

Meus amigos de Bertioga já me despedi 200 vezes, kkkk, e sempre acabo arranjando um motivo pra voltar lá. rsrsrsrrs. Hoje vou de novo, pela última vez de verdade, buscar meus óculos que esqueci com a Gil! rsrrsrs

Semana passada fizemos um jantarzinho na casa da Beta... ê delícia!!! Que saudades que vou ficar dela. Acho que dela em especial pq o Pedrinho vai nascer e eu não vou estar com ela. Não vou poder ir na maternidade dar o presentinho... ajudar a dar banho... essas coisas que amigas fazem, e eu nunca fiz pq nenhuma amiga minha ainda engravidou.... Essas amigas.... são como eu, esperaremos chegar perto da menopausa pra pensar no assunto!!! KKKK



É difícil dar tchau... não sabia que tinha essa dificuldade. Percebi que não olho no olho, não abraço forte, como frequentemente eu faço. Não faço juras de amizade eterna, e nem choro.... mas quando entro no carro..... Buuááááááá´!!!!! KKKKK.

Já estou começando a me conhecer melhor. Dizem que trabalhar em navios a gente se conhece melhor... e isso já está acontecendo. Sempre fui manteiga derretida... choro até em propaganda do gelol... qdo as crianças caem e vão chorando até os pais... rsrsrrs. Choro quando quem eu gosto grita comigo; choro qdo vejo alguém chorando, choro por tudo.... Também sou carinhosa... e carente... isso sempre soube. Gosto de ganhar um abraço, de ouvir coisas legais... e sei retribuir.... Mas essa da despedida... essa é nova.... não sabia não.... rsrsrrsrs. Como e difícil. Parece que eu tô me fazendo de durona... que não tô nem aí.... mas eu "tô aí"!!!!! KKKKK (primeiros sintomas de doença mental: quem sou eu?!?) rsrsrrs



Bom... faltam só 3 dias... Hoje é sexta... sábado... domingo.... e segunda é o dia!

segunda-feira, 23 de agosto de 2010

Atualizações!!!!

1: Exames Médicos
Olá pessoas!!! Esqueci de falar sobre os exames: já fiz... Na verdade fiz dia 05 de agosto.
Um mudaréu de exames que a empresa exige... e todos com laudo em inglês, preenchidos em um formulário, um tal de Norwegian Medical, que só o médico cadastrado pela Steiner possui. Isso eu achei bem chato.... na verdade muuuuito chato. Não os exames, pq acho mesmo que devemos fazer, mas não gostei de ter feito a consulta com um médico que eu não conhecia. E ter pago por isso. Gostaria de ter feito com o meu médico.... feito os exames pelo convênio, e depois o meu médico preencheria o tal formulário... em inglês mesmo. Não é nenhum bicho de sete cabeças. Mas.... quem sou eu pra falar alguma coisa.


Os exames ficaram prontos em 15 dias... e me custaram R$600,00 (à minha mãe)!!!! Vou tentar ver se o convênio reembolsa. Pois é. A Steiner também oferece, lá em Londres, por $220,00 (libras), mas não aconselho fazer lá, pq vai que descobrimos que estamos com alguma coisa?!?!? Como é que fica?!?!? Voltamos pra casa, pobres, tristes, desempregadas e doentes!!!

2- Remédios:
No navio teremos seguro saúde. Na verdade se ficarmos doentes, o médico de lá nos avalia e medica. Se for alguma coisa grave, descemos do navio, no porto mais próximo, e o navio paga a nossa remoção para casa para sermos tratados no nosso país, se isso for possível. Mas tenho lido em alguns blogs que é aconselhável levar os nossos remedinhos de costume pra não ficarmos na mão. E em nenhum lugar é permitido comprar remédio sem receita... Então hoje fui às compras... Na farmácia. rsrsrsrs. E hoje, percebi que sou hipocondríaca. srsrrsrs. Na verdade isso foi a Carol (de Natal) que me disse pelo MSN, e acho que estou concordando com ela. Vou tentar fazer uma limpa na minha listinha, e doar alguns remedinhos pra minha mamãe, pq acho que eu posso ser presa no aeroporto por tráfico de drogas!!!! KKKK

Vou listar alguns pra ajudar quem estiver fazendo as malas: Dipirona, dorflex, sorine, trimedal (pra gripe), cataflan, antialérgico, eplocler, estomazil, minancora, hipoglós, vick vaporub, buscopan, dramin... e por aí vai... rsrrsrs.

3- Hostel em Paris:
Hoje reservei meu hostel... pelo site www.hostelworld.com, depois de dias e dias de pesquisa, achei um tudo de bom, e com um preço que eu (minha mãe) podia pagar. E este é o link da propaganda do St Christopher's Inn:http://www.youtube.com/watch?v=uxiqmhyDh9k&feature=search


4- Amigas!!!

Encontrei a Martinha Feliz. Já tínha falado dela aqui no blog uma vez. Fizemos o curso de recreação da Fatto juntas e a partir daí nos falamos diariamente. A Martinha vai embarcar logo logo pela MSC e está com tudo pronto!!! Só falta a data!!! Fantasias, figurinos, maquiagens, alto astral, e muita disposição pra acompanhar a criançadinha....



Fomos passear no Gonzaga e fazer o que toda mulher adora: papear e ver vitrines... rsrsrs. Estamos animadérrimas com a nossa nova e aventureira vida... e tenho certeza que tudo vai dar certo!!!!


5- SantoôôOsss!!!


Ahhhhh, pra extravasar.... Ontem:


sábado, 21 de agosto de 2010

Codice Fiscale: OK!!

Terça-feira, 17 de agosto, eu e minha mãe chegamos cedinho no Consulado Italiano, pra tirar o Código Fical (um monte de números e letras, que nos dá direito à abrir uma conta (?) pra resgatar o salário, caso eu pegue um navio italiano). Uma fila de umas 30 pessoas na rua, o guardinha da porta me informou que só abriria às 13:00hs para as pessoas que não marcaram horário...Até ficaria esperando, adoro a Paulista, e aquele friozinho chique de São Paulo me faz lembrar a época que eu morava lá, mas como os italianos só liberariam 20 senhas, era melhor eu voltar outro dia, pq não daria tempo nem de atender quem estava lá fora...

Não entendo estes consulados. Se acham os donos do país que não é o deles. Fazem o que querem... ditam as próprias regras, não atendem telefone para dar informação, e a gente... que se lasque.... Bom, mas não era hora de estressar, o rapazinho me falou que se eu fosse de quarta, ou sexta, o consulado não tem agendamento, é horário corrido desde manhã, então com certeza eu seria atendida. A viagem não foi perdida porque fomos na 25 de março comprar mais moambinhas pra eu levar.. ahhh São Paulo... como vou sentir saudades... ADORO aquele astral.. E a 25 também!!! hehehehe... meu estresse passou.

Ontem sexta, dia 20, fui lá eu, desta vez sozinha, às 6hs da matina. Desci no metrô consolação, bem pertinho do consulado. Tinha umas 10 pessoas na fila... 8hs... mas nada estragaria o meu dia.... céu azul lindo, um frio danado, que faz os paulistanos ficarem mais elegantes desfilando na paulista... era a hora de eu ver "o que está se usando" rsrsrrs.
Em 15 minutos entrei, fui ao 2° andar direto, falei com um senhor muito simpático, que me pediu o RG, um comprovante de residência (como não tinha levado - não sabia que ía precisar- escrevi meu endereço em um papel e deu td certo). Em 5 minutos ele imprimiu o tal do papel com o meu código. 16 letras e números misturados que me abririam as portas para um "COSTA" da vida... !!!! Uhuuuuuuuuuuuuuuuuuu!!! Mais um passo!!!!!!!!

Cheguei em casa ainda à tempo de almoçar com a minha mãe e vovó... ah como eu vou sentir saudades delas. Acho que eu já estou começando a sentir saudades de todo mundo... rsrsrrs

À tardinha comprei minha passagem de trem, da eurostar para Paris!!!! Agora não tem mais jeito, vou mesmo.... ah que chato... vou pra Paris... 4 dias passeando.... terrível... lá não tem nada pra ver de interessante.... rsrsrrsrs.... hunf! KKKKKKKKKKKKKK

quarta-feira, 11 de agosto de 2010

Visto Americano: OK!!!!!

Nossa! Reli o post anterior... novela mexicana!!!! KKKKKK

Fiquei um tempão sem escrever pq estava esperando acontecer alguma coisa interessante...

Interessante, e estressante. Meu horário estava agendado para às 09:30, lá no consulado americano. Fiz o agendamento há um mês, e o formulário consegui preencher depois de alguns dias... pq o negócio é punk! A Milla, minha amiga do Rio, tava quase tendo um treco pq não conseguia de jeito nenhum. Então, se alguém q estiver lendo isso, estiver lutando contra o computador... não desconte nele não... o que faz tudo ficar difícil são "eles"... os americanos, rsrsrs.

Chegando lá, fila pra tudo... Super sinalizado e cheio de pessoinhas com aquelas camisetas: "Posso Ajudar"... Uma frescurada só! MAs na verdade...uma bagunça total!!! 200 pessoas em um espaço que só cabem 100. Me senti num presídio, lutando por um lugar na fila da sopa.
Passaporte, formulário de agendamento (o tal dificílimo D-160), foto 5x7, comprovante de pagamento do visto, tudo na mão... e é claro... Sem nenhum tipo de equipamento eletrônico, pq se achassem um.. do jeito que te tratam, era de lá, direto pra cadeira elétrica.

1°- Fila pra revista (do verbo revistar): Tudo tranquilo... jogaram minha bolsa dentro do RX e me revistaram com aquela máquina que apita.. apitou tanto q até eu pensei que estava armada... mas me deixaram passar mesmo assim.
2°: Fila pra senha: Segui o fluxo, e a faixa verde no chão. Entrei num salão cheio de gente, painéis piscando números, gritos e um homem falando mais números ao microfone. Tensão total. Peguei a senha.
3°: Fila pra entrega dos documentos: Guichê com um senhor "tão simpático" que fez umas perguntas pra mim, sobre o meu passaporte antigo... ele mesmo respondeu... e mandou eu ir pra fila ao lado.
4°: Fila pras digitais: Número chamado, um cara, mais novinho, olhou pra mim e perguntou se eu era a Fernanda, olhou pra minha foto que já estava na mão dele e falou: "Vc está querendo me enganar... essa não é você. Teu cabelo tá mais escuro na foto.". "Sou eu sim, tirei essa foto ontem" - e tirei mesmo, continuei - "Acho que ele escurece em foto". Mandou eu colocar as mãos numa base de vidro, com luzinhas verdes... e ir pra outra fila.
5°: Fila pra entrevista: Tensão total. A Deda e a Fernanda, de Floripa, estavam lá também. Foram chamadas antes do que eu, e conseguiram o visto facilmente... me deram um tchauzinho na fila e foram embora. A moça me chamou. Falava um portunhol bem difícil de entender , ainda mais com um vidro super grosso separando a gente, e usando aquele microfone da Madonna... que o som sai super ruim. Perguntou pq eu estava pedindo o visto. Expliquei. Perguntou o que eu vou fazer no navio. Falei que era fisioterapeuta, e ía trabalhar de massoterapeuta. Ela pediu meu currículo!!!! Póde?!!! Disse que não tinha. Pediu a carteira de trabalho. Disse que não tinha. Aí ela falou: "Como é que eu vou saber que vc é fisioterapeuta?!" (hunf!, com o currículo é que não era, né?!). A sorte é que eu tinha minha carteirinha do Crefito na carteira. Mostrei. Perguntou qtos anos de formada. Disse "uns" 10! Ela, olhando pra carteirinha: "Não são 10" ... Eu fiz a conta rapidinho: "Oito" Ela: Boa Viagem... é só pagar o sedex no caixa. E deu um sorriso. Pensei: "UHUUUUUUUUUUUUUU"
6° Fila para o pag do sedex: R$ 20,00 (São Paulo); R$21,00 (interior de São Paulo); R$40,00 (outras localidades)

12:00hs, tava indo embora.

Em 6 dias meu passaporte chega em casa!!!! Com visto!!!! UHUUUUUUUUUU

Mais um passo concluído!

segunda-feira, 26 de julho de 2010

Boa viagem Raul

Tortura é pouco... deveria existir outro nome pra descrever o que eu fiz no sábado. Auto-tortura também não é o apropriado, mas é o que mais se encaixaria.
Na hora do adeus contive as lágrimas e os soluços e o último abraço terminou com um sorriso de boa sorte.

Meus olhos foram acompanhando seu lugar na fila, aquela mesma fila que em 2008 iniciamos nossas aventureiras viagens, e fizemos juras de amor eterno.
Aquela fila que nos despedimos inúmeras vezes dos parentes, que íam, e sumiam atrás da porta de vidro... e de relance víamos uns ou outros passarem seus pertences pelas "tomografias de objetos"...
Me contive até a entrega do ticket, e depois, qdo se virou de costas, sem aquele tão esperado último olhar, se foi...


Os segundos pareciam horas, meus olhos não aguentavam segurar tantas lágrimas, e lá ficou eu "burst into tears" esperando qualquer sinal dele por entre os oficiais. Seu Dorival atrás de mim, tentando esconder o quanto sentiria saudades de seu filho, e o quanto ele era especial para a família. Quando eu estava prestes a desistir, e já tinha mudado minha posição várias vezes tentando o melhor ângulo, ele apareceu lá no finzinho. Meus óculos molhados me impediam de ver claramente, mas ele já não olhava mais pra gente. Tirou sua mochila das costas, seu notebook e o colocou na bandeja... alguém tampou minha visão, meus soluços aumentaram, e de repente ele aparece de novo, colocando o notebook de volta na mochila, bem lentamente. Finalmente sumiu para um canto que meus olhos não alcançavam mais.

Pensei que fosse desmanchar... minhas pernas estavam fracas pra suportar tanto peso. Tinha me esquecido de como é difícil se despedir de quem a gente ama. Fiquei alí, parada, tentando lembrar o que eu senti quando me despedi do meu pai. Mas era diferente. Muito diferente. Me despedi do Raul sabendo que um dia o veria novamete. Me despedi fazendo votos de uma boa viagem, de sucesso e pesar... por não estarmos mais juntos.

Nessa hora respirei bem fundo, apesar de saber que aquela frase era a pura verdade: "A gente só dá valor quando perde", e voltei ao pensamento que me acompanha há 8 meses: "se for pra ficarmos juntos, iremos ficar"...

Hoje já estou melhor, ansiosa por notícias mas focada agora na minha viagem.
Fui comprar as passagens na CI, uma agência de viagens de intercâmbio, que oferece passagem de estudantes. Como vou fazer um curso, eles aceitaram o meu comprovante, e economizei uns R$400,00.

E a melhor notícia que tenho, depois dessa choradera toda, é que vou pra PARIS!!!!

Nada melhor do que curar uma depressão em Paris!!! KKKKKK


Minha irmã me obrigou a conhecer Paris. Disse que é muito perto de Londres que eu deveria ir! Então tá, não insista! Eu vou! rsrsrsr
Chegarei em Londres dia 14 de setembro, dia 15 (aniversário da minha mãe) irei pra Paris, ficarei 4 dias lá, e volto pra casa da Cris, em Londres...

Tô muito chique!


domingo, 18 de julho de 2010

Organização

Organização... é essa a palavra! Não adianta tentar resolver tudo sem saber por onde começar... E a pressa é a inimiga da perfeição.... realmente.
Tirei o mural de ímã do escritório, e preguei no meu quarto. Lá coloquei duas folhas. Uma escrita "fazer" e outra "comprar"... e dai a lista vai saindo. Sempre qdo lembro de alguma coisa, corro pro mural e escrevo... e qdo vou fazendo, vou ticando com OK. Tá ficando lindo meu mural!!! Cheeeeio de coisas!!!! Tudo bem que tem mais ítens à fazer do que Oks, mas estou conseguindo me encontrar.

Qto aos estudos, percebi que não são tantos cremes assim... na verdade eles estão organizados por "pacotes", e um pacote de "Muscle Sequence" por exemplo, acaba usando quase os mesmos cremes do que o "Stress Sequence", e assim vai se repetindo para os outros pacotes, acrescentando uns, e tirando outros... dá pra pegar se estudar bastante.

Quarta-feira o Raul me ligou.. finalmente pegou a data: 24 de julho. É, pois é, daqui 6 dias. Vai pra Veneza, embarcar no Música, da MSC, e de lá faz Mediterrâneo... Grécia... Que delícia.
É bem estranho receber esta notícia... pensei que fosse mais fácil engolir... mas... é a vida. Que ele seja feliz... Que todos sejam.

quarta-feira, 14 de julho de 2010

Papelada!!!

Nossa... é coisa viu?!

Recebi o Starter Pack, que é tipo um manual, no dia que me deram "a Resposta" e a partir daí tudo se tornava mais concreto. O Starter pack (42 páginas) explica tudinho, passo a passo o que temos que fazer pra irmos pra Steiner... Desde a documentação, normas, roupas, vistos, exames médicos, pagamentos, até o caminho do aeroporto pro alojamento (de trem, ônibus, metro, taxi) ... tudo bem organizado, e ..... em inglês..... rsrsrs. Não preciso dizer que demorei 2 semanas para lê-lo inteiro, não porque meu inglês continua ruim demais, não por isso... é que eu acho a mini fazenda bem mais interessante... rsrsrsrs. Nossa, como vicia esse negócio... já até cheguei a pensar que não aguentarei ficar sem minha fazendinha durante 9 meses... nossa... é um parto!

Depois do Starter Pack, a bomba que chegou pelo correio foi o tal "DVD"! Meu Deus!!! Quando disseram que deveríamos estudar muuuito, não imaginei que fosse tanto! No DVD vem um manual que podemos fazer download para podermos imprimir o conteúdo. Pois é: 104 folhas!!! É isso!!! E não preciso falar que é em inglês!!!! Esse DVD, chiquérrimo aliás, com música de fundo e uma mulher falando com aquele inglês de Harry Potter... tem toooodos os produtos que a Steiner vende, da Elemis, e as suas indicações, princípios ativos, pacotes de rotina diária etc. Que precisamos saber na ponta da língua, pois no dia da nossa chegada, teremos uma prova... pois é... Comitê Britânico de Boas Vindas...
Estou estudando... bem lentamente... Copio cada item no caderno, pulando uma linha entre as frases, depois eu tento traduzir à lápis nas linhas intermediárias, com a ajuda do meu cérebro brilhante, e ao mesmo tempo eu passo o texto (copiando e colando) no tradukka, para me auxiliar quando o meu cérebro trava... isso acontece frequentemente. E tudo isso ouvindo a mulher com inglês de Harry Potter, pra ir acostumando com o sotaque... que é um luxo aliás... Sempre preferi estudar escrevendo, presto mais atenção... sei que vou desistir logo mais, quando a contagem regressiva começar a apertar, mas assim vou me familiarizando com os termos também. Dressed up style, é cabelo preso, e flesh coloured pop socks, é meia calça cor da pele... e assim vai... já estou na página 12!!! kkkkk

Tenho uma amiga que mora em Londres, na verdade ela é amigona da minha irmã... daquelas malucas que se aventuram em outro país, fazem todas as loucuras que não fariam aqui... e conseguem um lugar ao céu... Pois é, e por alegria minha, muuuuuuuita alegria mesmo, a Cris me disse que me buscaria no aeroporto... Ah que delícia... me senti bem mais protegida... sabendo que terá um rosto conhecido quando as portas se abrirem... e eu colocar os pés na terra da Rainha... mas a notícia mais gloriosa que recebi ontem, é que ela vai me hospedar uma semana antes do treinamento, pra fazer passeio de turista, ir em lojas que ela diz que é uma pechincha (tenho lá minhas dúvidas, lá é td muito caro). Ver anoitecer às 3hs da tarde (pois é, ela disse que isso acontece no outono!!!); e o principal de tudo, que o que mais me amedronta... treinar o meu inglês!!!! Ai Cris... obrigada mesmo!!!

Lembrei daquela frase: Quando uma porta se fecha, várias portas se abrem....
Obrigada pai.


quarta-feira, 30 de junho de 2010

8 - A Data!!!!!

Cheguei do inglês ás 6:30hs, como de costume, e como de costume já sentei em frente ao computador, pra ver se tinha alguma nova notícia da viagem, ou amigos novos pra adicionar no orkut. E tava lá... na caixa de entrada dos meus e-mails o nome da Débora.... Ai Meu Deus, pensei.... é notícia... boa.... ela não me escreveria pra saber como eu estou, pra saber o que eu comi hoje... coisas q a Gil perguntaria... não a Débora... Era uma super notícia!!!!

"I would like to congratulate you one more time, for the results on your interview and wish you success with your career with Steiner!"

TRAINING DATES*: DE OLIVEIRA / FERNANDA CASAGRANDE - 27 set 2010 - MASS

- FOD..... FOD..... FOD...... PALAVRÃOOOOO!!!!!!!!!!!!

Meu coração pulou... não era real, não é real.... agora tenho uma data. Liguei na hora pro Raul, a primeira notícia tinha que ser pra ele... era o nosso sonho... juntos.... eu ía fazer sozinha, mas construímos ele juntos.. ele tinha que saber.... Liguei.....Ficou muuuuuito feliz por mim, e não era só pq eu estaria bem longe dele não.... rsrsrsrs.... ele também vai embarcar pela MSC, então isso não faria diferença... , mas é porque nós continuamos torcendo pela felicidade da gente!!! Isso é bom, bom demais!!! Ele só precisa da data dele... que não vem de jeito nenhum...

Depois contei pra minha mãe, minha irmã não consegui (não atende o telefone nunca), pra Gil, pra Maria, pra Lú e pra Beta.... Ufa... falta a Carrô, e o Paulo!!! rsrss

E depois foi a vez das minhas novas amigas de orkut, que estão me dando a maior força. Na verdade estamos todas no mesmo barco... a gente se ajuda!!! É muito engraçado isso, fiz muitas amigas em muito pouco tempo. Essa coisa de orkut é legal demais... Conheci pessoas ótimas... que já foram pra Steiner, já voltaram e continuam inteiradas no assunto, como o Pisces, dando dicas e conselhos como se fôssemos amigos de longa data. As meninas do curso de recreação e STCW... em especial a Martinha, que pouco nos falamos durante o curso, e agora, torcemos pelo nosso embarque como amigas de infância!!! A Carol Coe, de Natal, que me explicou sobre a entrevista, me impediu de ir de vestido longo e recomendou um terninho... KKKKKKKKKKKK! Essa é boa!!!! KKKK. A Suellen, que conheci no dia da entrevista, e contamos as novidades todos os dias. E tem minha nova amiga, a Deda, de Floripa, que me adicionou ontem mesmo, na hora que eu peguei a data, e já me ajudou a agendar a entrevista com o consulado americano, que eu não estava conseguindo de jeito nenhum!!!

Tô realmente sentindo que vou me dar bem nesta vida. Vou conseguir ser feliz, aprender bastante, e voltar renovada... mas dá um meeeeeedo.... rsrsrrs

7 - Resposta!!!!!

13 dias depois, estava indo buscar minha filha na cada do pai. Calma, não tenho filha, é minha cachorrinha... Eu brinco que depois da nossa separação, o Raul ganhou a guarda da Joana, e eu só posso vê-la nos finais de semana... e desde fevereiro tem sido assim... vou pra casa dos meus ex-sogros, que são umas gracinhas, e pego a Jô pra passar o fim de semana comigo... depois devolvo. rsrsrsrs. Enfim... estava na estrada, com a minha amiga do cuore Gil (viu Gil, falei de vc no meu blog, tá bom Maria... eu falo de vc também... rsrsrrs), e o meu cel toca:

- Por favor, poderia falar com a Fernanda?

- É ela, quem é?

- Oi Fernanda, aqui é o Caio, da empresa Steiner.

- (PALAVRÃOAOAOAOAOA, no pensamento, mas a Gil entendeu!!!)

- Vc está ocupada, pode falar?

- Éééé, estou dirigindo, só um segundinho que eu vou estacionar. - parei toda torta no acostamento- Oi Caio... rsrrsrs, me dá uma notícia boa por favor.... pode falar... rsrsrrs.- parecia uma besta rindo... não conseguia parar de rir!!! Coloquei no viva-voz pra Gil ouvir também!!!!

- Rsrsrrs - muito simpático esse Caio, ele riu de mim também - Então Fernanda, estou ligando pra te desejar os PARABÉNS, vc foi selecionada na entrevista da Steiner.

- UHUUUUUUUU RÁÁAÁÁÁÁÁ EU NÃO ACREDITO UHUUUUUUUUUUU!!!! - ainda bem que eu estacionei, poderia ter batido o carro. Abracei a Gil e fui cantando bucar a Joaninha....



Ahhhh, que bom.... minha vida começou de novo.... me senti renovada.... como é bom a gente ter um objetivo... como é bom saber pra onde ir... finalmente tinha de novo um motivo pra seguir em frente... e dessa vez o motivo era EU....

6 - dia 13 de junho!!! A entrevista

O dia chegou, e lá fui eu.... com a mamãe, é claro, pra dar apoio moral e me deixar bem na porta do hotel... Oscar Freire... chiquérrimo. Cheguei, e lá estavam vários pinguins, como eu, de terninho, pra fingir que somos chiques. Todo mundo com cara de espanto... cara de dúvida, e aos poucos as pessoas íam se conhecendo.
Subimos pra sala da palestra. Pegamos uns papéis, e um catálogo da Steiner, e nos sentamos. A Débora se apresentou, gracinha ela, explicou como funciona o navio, a empresa, a história da empresa.... achei interessante... A "Rainha mãe" que passou a ser "Rainha Vó" que agora já faleceu, foi fazer um cruzeiro a long time ago, e exigiu que o seu cabeleireiro fosse junto, pra continuar chiquetosa. E dái arrumaram um espaço pra ele fazer um mini salão pra nobreza... o negócio virou moda... todas as passageiras também queriam se arrumar com ele... aí rolou uma oferta do dono do navio, para o Tanãnã Steiner construir salões em todos os navio da companhia. O negóco cresceu tanto que ele abriu uma escola de cabeleireiros em Londres, e os funcionários dos navios deveriam passar por esta escola antes de começarem a jornada no trabalho. E o negócio cresceu mais ainda, então começou a ter academia de ginástica no navio, e a escola dele treinava os professores da academia.. aí o negócio cresceu mais ainda e abriram o SPA, e é aí que eu entro, massage therapists...
Até aquele momento a Debora falava e eu escutava... e uma pontinha de vontade de embarcar nessa começou a pintar... Pensei bem... muito... e qto mais ela falava, mais eu viajava... isso pq ela ainda estava só speaking in portuguese. E de repente me veio uma pergunta na cabeça: Tá Fernanda, vc vai de animadora de criancinhas... depois qdo vc voltar... vai fazer o que da vida? Montar uma cheche? Pois é... sempre fiz td calculado... sempre pensei nos prós e nos contras das minhas decisões... e desta vez não tinha pensado. E a Débora lá... falando de carreira, do segundo contrato, do terceiro, do NOME da Steiner conhecido no mundo inteiro, menos no Brasil, é claro... aqui a Ondera é famosa!!! KKKKKK. E de repente a vontade de trabalhar no SPA aumentou.... ah que droga... poderia ter aumentado qdo eu chegasse em casa... Teria a entrevista logo depois da palestra... e eu calma... me sairia bem... pq nada estava em jogo, só a experiência, mas agora.... (F..palavrão). rsrsrrsrs
Saimos pra almoçar. 26 minutos contados no relógio... sem um minuto de atraso. Atrasei pq fui escovar os dentes... oras bolas. Qdo cheguei na sala... todos sentados... me expremi entre as cadeiras e macas, pulei as pernas de duas meninas, e sentei na minha cadeira, com a minha prova na frente que já estava me esperando. Puts, cadê meu dicionário, minha caneta... lá vai eu procurar minha valise, que estava do outro lado da sala, aonde eu estava sentada na hora da palestra. Td resolvido. A prova foi, digamos fácil... se fosse em português. Cada vez que eu pegava o dicionário pra verificar a escrita de uma palavra.... o tempo corria. Qdo falaram: " oito minutos pra terminar a prova" (F.. palavrão). Deixei o dicionário de lado... e foi daquele jeito mesmo... portuglish... Time off.

Silence. A Débora ía falando os nomes e as pessoas íam lá na frente, é isso mesmo, na frente de todo mundo.... se apresentar, contar a experiência profissional, e por que quer trabalhar no navio.... Baba.. facinho... depois do meu último trabalho, que Deus o tenha, perdi o medo de falar em público... mas.... em inglês!!!! Fo.. palavrão!!!!

Os primeiros foram os cabeleireiros... eles foram na frente pra dar tempo do "antes e depois" das manequins deles. Puts manequins... acho que faz uns 20 anos que não falo esta palavra... rsrsrsrs. Eles foram... gaguejaram um pouquinho, mas td bem... saíram para o "camarim" fora da sala. Próximo!... e a luz se apaga... rsrsrsrs cada vez que os meninos ligavam o secador.... pufff, a luz apagava... a tensão diminui bastante... que bom...

Fernanda Casagrande! Sô eu! Saí do meu cantinho quase caí em cima da menina do meu lado, e fui andando tentando não rir.... tropecei no fio do data show, arranquei a tomada da extensão... e já soltei um daqueles gritinhos que cismam em sair na hora errada... meus amigos sabem quais são. A Débora teve que levantar pra ir até lá... que papelão...
Falei... calmamente, sorrindo, como se eu estivesse contando uma história pros meus lindos ex-alunos... e de repente td ficou branco... comecei a gaguejar... o coração a pular, querendo sair pela boca... e sinceramente não sei como voltei pra cadeira... só sei que esta etapa estava concluída.

Prova prática.. ah, "tava em casa"... já fiz mais de 200 massagens na vida, com vontade e sem vontade.... agora sob pressão... foi a primeira... mas me saí bem... não tem muito segredo...

resultado... de 10 à 15 dias, por telefone....

O jeito é esperar....

terça-feira, 29 de junho de 2010

5 - Blog interessante...

Achei um blog fantástico de uma garota de Natal que trabalha em navios... estou lendo há 2 horas e não consigo parar.... estou vivendo junto com ela, td q ela viveu... e a vontade de ir aumenta demais!!!! Como não sei colocar aquela barrinha do lado do blog, mostrando os links legais... vou colocando nos meus posts. Qdo eu descobrir, coloco eles no lugar certo.
enoisnonavio.blogspot.com

Este texto abaixo copiei do blog da Bárbara... espero que ela não se zangue... mas diz que é do Bruno Barreto.


"Imagine morar em uma cidade bem pequena, com 600 habitantes, que apesar de não ser bonita, recebe turistas de todo o mundo, na maioria das vezes o dobro da própria populaçao.Agora imagine que nessa cidade o prefeito baixou um decreto e que ninguém pode mudar de casa, mesmo que todas elas sejam iguais, feito um pombal. As residências não têm cozinha, nem área de serviço, muito menos sala, ou seja, basicamente um quarto e um banheiro.Depois de uma louca nos vereadores, eles aprovaram uma lei que não permite comida nas casas, somente água, e deram suporte a uma inspeção quinzenal para assegurar que isso será cumprido à risca. Como se não bastasse, só dois restaurantes tem permissão de funcionar na cidade, e algumas pessoas são autorizadas a ir em uns, outras em outros. Depois que eles são fechados, se você respeita a lei anterior, as opções são: fome ou furto de alimentos.Falando em Apartheid, alguns habitantes locais são proibidos de frequentarem algumas áreas da sua própria cidade, sem falar nas áreas que podem ser frequentadas com restrição de horário e aquelas que só podem ser visitadas com a roupa autorizada. Agora o mais marcante talvez seja o toque de recolher, que desautoriza os cidadãos a permanecerem na maior parte da cidade depois das duas da manhã.Imagine agora que devido a uma crise de dinheiro na cidade as empresas locais foram autorizadas a explorar a sua mão de obra ininterruptamente, sem dias de descanso, mas com horas. Além disso, a cidade fica numa área de instabilidade geológica, por isso os terremotos são muito frequentes.Agora como ponto positvo, pense que todos os habitantes locais tem 20% de desconto nos shoppings, moram em uma cidade que consegue ser vizinha de cidades como Veneza, Atenas, Malta e outras ilhas da Grécia, ao mesmo tempo. Os restaurantes nunca cobram os 10% de serviço, a propósito, nem a comida... Como compensação pela proibição de comida nas casas a cobrança de aluguel foi proibidaFinalmente, apesar de morarem na mesma cidade, a população local é absolutamente heterogênea, o que dá a oportunidade de conhecer a respeito da vida e costumes em muitos países. Se vc conseguiram imaginar tudo isso, deu pra ter uma idéia de como é a vida a bordo".
Por Bruno Barreto